Encontre a apostila para o seu concurso público aqui

Apostila Concurso Fundação CASA - Agente Educacional - 2014

Apostila  para o concurso público 2014 da Fundação CASA - SP, preparatória  para o cargo de Agente Educacional, elaborada pela Editora Opção, 21 anos de atividades. Veja também apostilas para outros cargos.
Clique aqui para acessar esta apostila
A apostila contém as seguintes matérias:
- Língua Portuguesa
- Matemática
Conhecimentos  Básicos
- Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) Livro I
Conhecimentos Específicos
As inscrições no concurso da Fundação CASA - SP deverão ser efetuadas no período das 10 horas de 29 de setembro de 2014 às 15 horas de 16 de outubro de 2014, somente pela internet, no endereço eletrônico da Cetro Concursos (www.cetroconcursos.org.br).
A remuneração para cada um dos cargos em concurso é composta de Salário-base e de GRET (Gratificação de Regime Especial de Trabalho), conforme consta a seguir:
a. para o cargo de Agente Administrativo e Agente de Apoio Administrativo: salário-base de R$ 1.255,76 e GRET de R$ 376,72, totalizando R$ 1.632,48;
b. para o cargo de Agente de Apoio Operacional (Sexo Masculino): salário-base de R$ 730,77 e GRET de R$ 219,23, totalizando R$ 950,00;
c. para o cargo de Agente de Apoio Socioeducativo (Sexo Feminino e Masculino): salário-base de R$ 1.429,19 e GRET de R$ 428,75, totalizando R$ 1.857,94;
d. para o cargo de Agente Educacional, Assistente Social, Enfermeiro, Nutricionista e Psicólogo:salário-base de R$ 2.173,71 e GRET de R$ 652,11 totalizando R$ 2.825,82;
e. para os cargos de Agente Operacional (Encanador), Agente Operacional (Marceneiro), Agente Operacional (Serralheiro): salário-base de R$ 794,76 e GRET de R$ 238,42, totalizando R$ 1.033,18;
f para o cargo de Auxiliar de Enfermagem e Técnico de Enfermagem do Trabalho: salário-base de R$ 1.205,72 e GRET de R$ 361,71, totalizando R$ 1.567,43;
g. para o cargo de Engenheiro (Civil) e Engenheiro (Eletricista): salário-base de R$ 2.947,06 e GRET de R$ 884,11, totalizando R$ 3.831,17;
h. para o cargo de Especialista em Informática (Desenvolvimento), Especialista em Informática (Rede) e Especialista em Informática (Suporte): salário-base de R$ 3.100,66 e GRET de R$ 930,19, totalizando R$ 4.030,85;
i. para o cargo de Médico e Médico do Trabalho: salário-base de R$ 3.376,63 e GRET de R$ 1.012,98, totalizando R$ 4.389,61;
j . para o cargo de Pedagogo e Profissional de Educação Física:salário-base de R$ 2.286,07 e GRET de R$ 685,82, totalizando R$ 2.971,89;
k . para o cargo de Técnico de Segurança do Trabalho: salário-base de R$ 1.635,37 e GRET de R$ 490,61, totalizando R$ 2.125,98;
l. para o cargo de Técnico em Informática (Desenvolvimento), Técnico em Informática (Rede), Técnico em Informática (Suporte): salário-base de R$ 1.809,57 e GRET de R$ 542,87, totalizando R$ 2.352,44;
m . para o cargo de Técnico Operacional (Almoxarife), Técnico Operacional (Eletricista Industrial): salário-base de R$ 1.024,58 e GRET de R$ 307,37, totalizando R$ 1.331,95;
Agente Educacional - Participar da elaboração e executar o Projeto Político Pedagógico do Centro de Atendimento. Construir junto à equipe pedagógica um projeto de trabalho para o acompanhamento e orientação das atividades diárias dos adolescentes em seus vários aspectos, com enfoque educacional. Acompanhar as atividades de vida diária (higienização, alimentação, lazer) do adolescente, buscando a efetivação de ações educativas concernentes a essas atividades. Acompanhar in loco as atividades educacionais junto à equipe de profissionais que desenvolve as atividades com os adolescentes. Executar e acompanhar o Projeto Educação e Cidadania, desenvolvido nas unidades de internação provisória. Acompanhar, participar e/ou ministrar cursos de qualificação profissional básica aos adolescentes nas unidades de internação. Responsabilizar-se pelo acompanhamento e articulação das áreas pedagógicas (escolar, educação profissional, arte e cultura, esporte e lazer) em consonância com a Proposta Político Pedagógica para a Medida de Semiliberdade. Zelar e orientar o jovem pelo uso adequado dos materiais em geral e dos recursos utilizados nas atividades educativas, bem como da preservação predial. Propor e participar do processo de planejamento das atividades desenvolvidas pelo Centro de Atendimento, colaborando na organização. Participar de reuniões multidisciplinares ou setoriais, a fim de favorecer o desenvolvimento do adolescente no seu processo socioeducativo. Manter avaliação diária e contínua dos trabalhos executados, contribuindo para a análise do desenvolvimento educacional do adolescente, para que o mesmo perceba sua evolução e para a construção dos relatórios e registros que desencadearão na proposição e análise dos Planos Individuais de Atendimento interequipes. Auxiliar na organização de eventos e festividades. Participar de processos de educação continuada oferecidos pela Fundação e por parceiros, objetivando a sua capacitação e desenvolvimento profissional. Desenvolver outras funções pertinentes ao setor pedagógico, de acordo com as orientações do Coordenador Pedagógico.

Conheça também as apostilas da Editora Solução e Editora Nova.